top of page

Luxemburgo: uma surpresa a cada detalhe

O famoso ditado “os melhores perfumes se encontram nos menores frascos” poderia perfeitamente ter se inspirado em Luxemburgo. É praticamente impossível passar por aqui e não pensar em como um lugar tão reduzido em extensão territorial, incrustado no meio da Bélgica, França e Alemanha pode ser capaz de abrigar tantas atrações bonitas e interessantes.

 

Em Luxemburgo, cada canto guarda uma surpresa, fazendo deste pequeno país de apenas 2.586 km2 um grande tesouro repleto de descobertas e deslumbramentos.


Encante-se com a elegância de Luxemburgo, onde história, cultura e beleza se encontram em cada esquina.

 

 Luxemburgo: O único Grão-Ducado do mundo

 

O surgimento de Luxemburgo remonta ao século X, quando construções de uma fortaleza na região estratégica do Rio Alzette deram origem a um assentamento ao seu redor. Esse povoado se tornaria a base da atual capital do país.

 

Ao longo dos séculos, o território de Luxemburgo foi conquistado e governado por diferentes Casas Europeias, sendo hoje governado pela Casa de Bourbon.

 

Status singular de Grão-Ducado

 

Em 1815, após o fim das guerras napoleônicas que abalaram a Europa, os destinos de diversos territórios foram redesenhados no Congresso de Viena por líderes do Império Austríaco, Prússia, Rússia e Grã-Bretanha.

 

Nessas negociações, Luxemburgo foi elevado à categoria de Grão-Ducado autônomo.

 

Um Grão-Ducado é, essencialmente, um ducado de maior importância e autonomia governamental, liderado por um Grão-Duque.

 

Geralmente os ducados são parte de um reino ou subordinados a um principado. Porém, no caso de Luxemburgo, negociou-se um status especial, que conferia ao território independência administrativa semelhante a de um reino, porém preservando o título de Grão-Ducado. Isso o tornou o único Estado soberano a ostentar esse título no mundo.

 

Assim, a partir do Congresso de Viena, Luxemburgo pôde trilhar seu próprio caminho entre as nações, desenvolvendo instituições autônomas sob a governança de seus Grãos-Duques.

 

Essa configuração singular permanece até hoje, conferindo grande orgulho aos luxemburgueses.

 

Relíquias de uma história movimentada


Séculos de disputas entre potências europeias deixaram suas marcas no pequeno e estratégico território. A mais icônica relíquia histórica é a imponente capital Luxemburgo, repleta de fortificações, muralhas e até túneis secretos subterrâneos que já abrigaram guarnições militares ao longo dos séculos.

 

Outros destaques patrimoniais são o Palácio do Grão-Duque, o antigo Colégio Jesuíta transformado na Catedral de Notre-Dame de estilo gótico e renascentista, e o fascinante bairro Grund, um vale abaixo do centro da cidade.

 

Centro financeiro e sede da União Europeia

Hoje, a despeito das glórias bélicas do passado, o Grão-Ducado desfruta de imensa prosperidade econômica, com a maior renda per capita do mundo. A cidade de Luxemburgo abriga grandes bancos e se tornou uma das três sedes oficiais da União Europeia. Simbolizando a estabilidade política alcançada, o Grão-Duque Henri governa ainda hoje a nação.


Conheça esse e outros destinos com a Domundo!


Somos uma operadora de turismo alicerçada em uma sólida rede de parcerias construída ao longo de décadas de relacionamento profissional com instituições e profissionais reconhecidos.


Nossas viagens em grupo com guia brasileiro têm acompanhamento de especialistas de alto nível, consagrados no mercado. Cuidado que garante qualidade e faz toda a diferença.


10 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


Les commentaires ont été désactivés.
bottom of page